?

Log in

o meu blog

adoro estas noticias


Powered by ScribeFire.

Open Source



V Encontro Nacional sobre Tecnologia Aberta

19 de Abril, Auditório da Lispólis em Lisboa



Programa

Jan. 17th, 2007

toca à venda... a transbordar boas energias
T1 + 1 - Centro de Lisboa - Bairro das Colónias - Anjos - 3 minutos do metro
saber mais...

Eu adoro Lisboa


Chiado, numa madrugada de Junho.
By glittertwist

Le Cool

Passando a publicidade, acho que vale a pena.
A LeCool é uma especie de e-zine semanal, com várias propostas culturais pra Lisboa.

http://lecool.com/

Recomenda-se :P


*

Oct. 6th, 2006

7 de Outubro
Dia de Acção Transnacional pelos Direitos dos Migrantes
Acção do BE, Lisboa, Largo de S. Domingos (Rossio) 15 horas

De Nouakchott, na Mauritânia, a Varsóvia, na Polónia, o dia 7 de Outubro vai ser assinalado, um pouco por todo o mundo, com manifestações e demonstrações com o objectivo de chamar a atenção para o drama da ilegalidade e da ausência de direitos dos imigrantes. E em Lisboa também.

No próximo dia 7 de Outubro vamos exigir a legalização de todos os imigrantes, em situação irregular, na Europa;

- Vamos reivindicar o direito de asilo;

- Vamos protestar contra a discriminação no acesso ao trabalho;

- Reclamar o direito universal à segurança e justiça social;

- Demandar o direito à habitação;

- Pelo encerramento de todos os centros e campos de detenção, de dentro e de fora da Europa.

www.esquerda.net

Reabertura do Café Império

A reabertura ao público do histórico Café Império, prevista para hoje em Lisboa, foi adiada para sexta-feira para "ultimar pequenos detalhes das obras".

"Queremos que o café reabra a funcionar em pleno, por isso decidimos adiar para as 07h00 de sexta-feira a abertura do estabelecimento", adiantou Carina Ribeiro, relações públicas do Império.

O café Império esteve encerrado três meses depois de uma polémica que envolveu a Igreja Universal do Reino de Deus (IURD), que adquiriu o imóvel e chegou a encerrar o estabelecimento, gerando a contestação dos 18 funcionários, vizinhos e da Câmara Municipal de Lisboa devido à possibilidade do café ser transformado num local de culto.

A IURD ainda avançou com as obras, mas estas foram embargadas pela autarquia e a Igreja Universal do Reino de Deus acabou por trespassar o café a Paulo Ribeiro, da empresa de restauração Oraboni & Ribeiro, que manteve os mesmos empregados.

Classificado em 1996 pelo Instituto Português do Património Arquitectónico (IPPAR) como Imóvel de Interesse Público, o Império reabre agora as portas "mais moderno", mas com os atractivos que o celebrizaram como a receita original do "bife à Império", a arquitectura, os painéis e azulejaria.

Num folheto que anuncia a reabertura do espaço, a gerência refere que o café pretende ser "o novo destino de todas as gerações de Lisboa". O espaço oferece novos serviços como salas de reunião, para casamentos, desfile de modas ou teatro.

Terá ainda a Sala da Criança, um espaço onde os pais podem deixar os filhos ao fim-de-semana enquanto almoçam, e o Espaço do estudante, equipado com Internet.

Outra novidade é a "transformação" do restaurante histórico em bar, entre as 23h00 e as 02h00, onde irão actuar "estrelas" nacionais e internacionais, bandas de garagem, entre outras atracções.

"Com este novos serviços, esperamos atrair pessoas de todas as idades ao café, que foi a realização de um sonho", disse Carina Ribeiro, adiantando que as pessoas que já visitaram o espaço "adoraram: viram a mesma casa, mas melhorada, com um toque de modernidade".

O edifício onde funciona o café, de traço arquitectónico modernista, foi projectado por Cassiano Branco em 1947 e terminado em 1952. O café foi inaugurado em 1955 e transformou-se num espaço de convívio de referência em Lisboa.

OFFTOPIC mas muito importante....

PARA QUEM PODE AJUDAR!

Rastos da destruição deixada por quem anteontem entrou no abrigo da AFECTU

Cães agredidos e torturados e prejuízos materiais na ordem dos 12 mil euros constituem o balanço de uma noite de pesadelo para os 45 animais que ocupam o espaço-abrigo da Associação dos Felinos e Caninos Todos Unidos (AFECTU).
Na madrugada de anteontem, bandidos partiram parte do muro do canil, situado em Taboeira, e roubaram tudo o que podiam.
Não satisfeitos, agrediram brutalmente alguns animais, deixando um cão às portas da morte, devido a um furo na boca, para além de fracturas nas patas. Um segundo ficou quase esganado após ter sido preso a um pinheiro situado a cerca de 200 metros do espaço-abrigo.
Ana Lucília, presidente da AFECTU, não consegue parar de chorar. O trabalho de vários meses, conseguido graças aos euros dos directores e à boa vontade de alguns amigos e da Câmara de Aveiro, foi destruído em poucas horas. Novamente numa madrugada de segunda-feira, "o único dia da semana em que os camiões do lixo não passam a caminho do aterro", lembra Ana Lucília.
Num espaço de meio ano esta foi a segunda vez que a Afectu foi roubada. Em meados de Janeiro, os ladrões levaram material avaliado em 7000 euros, mas não bateram nos cães. Desta vez, para além de levarem tudo o que tinha valor, até lâmpadas, maltrataram os caninos. "Certamente por eles estarem a ladrar, algo que poderia denunciá-los", acredita Ana Lucília, presidente da AFECTU.
Os ladrões levaram 35 sacos de ração, uma bicicleta nova, dezenas de ferramentas, armários e uma cabine, provavelmente desmontada no local, depois dos vidros terem sido partidos.A presidente da Associação dos Felinos e Caninos Todos Unidos desconfia de algumas pessoas, uma informação ontem transmitida aos elementos da GNR de Aveiro que estiveram no espaço-abrigo.A AFECTU foi criada em 1999. O abrigo para os animais tem sido parte do projecto de vida de Ana Lucília e funciona como um segundo canil municipal. A associação vive da quotização dos 500 sócios, apesar de só metade pagarem. É com esse dinheiro que a Direcção paga os 700 euros da factura mensal relativa a alimentação e higiene dos animais e manutenção da casa que ontem foi um pouco abaixo.

Autor
João Paulo Costa
in Jornal de Notícias, 11/07/06

Estou sem palavras perante tamanha crueladade e selvajaria :(
Vamos ajudá-los a superar mais este rombo? Já é a segunda vez este ano, mas na primeira tinham apenas roubado, desta vez agrediram :/
Deixo-vos o contacto telefónico da presidente da AFECTU(D. Lucília 96 862 52 07), bem como o NIB: 0019 0011 0020 0045 164 03 da Associação, se puderem contribuir.
A página deles está em afectu.bedigital.tv/